Sir Reginald Kenneth Dwight

Mais conhecido por Elton John. É hoje o show do cara que colocou a Rainha Elizabeth para balançar o esqueleto, numa quebra de protocolo histórica em 1998, quando ganhou o título de cavaleiro da Coroa inglesa. Com 40 anos de carreira e vários estilos que parte do psicodélico, passando por roqueiro, soul man, baladeiro, disco music e até infantil (ganhou o Oscar pela trilha sonora de Rei Leão), Elton faz uma única apresentação da turnê Rocket Man no Brasil. O show, que será no Anhembi, em São Paulo e vai ser transmitido pela Rede Globo à partir das 22h, estará repleto com maiores hits da carreira do músico. Your Song, Rocket Man, Tiny Dancer, Goodbye Yellow Brick Road, Sad Songs, Nikita, The Bitch Is Back, Daniel, Candle in the Wind (originalmente composta para Marilyn Monroe, que ele transformou em um hino para a Princesa Diana), Can You Feel the Love Tonight… Tem Elton John pra todo o tipo de gosto.

A música de hoje será a minha preferida do Elton John: Tiny Dancer. Ok, ok, pode ser um clichê, mas a conheci quando assisti Almost Famous (Quase Famosos), um filme auto-biográfico do diretor Cameron Crowe que ganhou o Oscar de melhor roteiro original em 2000. Conta a história de um garoto de 15 anos que consegue uma chance de escrever uma matéria para a Rolling Stone e para isso cruza os Estados Unidos com uma banda chamada Stillwater, presenciando de perto a tênue linha que separa o fascinante e o assustador nos bastidores do mundo do rock . O filme mostra todo o cenário musical da década de 70 e faz a pertinente questão: o rock acabou? Para quem é fã do bom e velho rock and roll, esse filme é o paraíso. Recomendo.

Anúncios

3 Respostas to “Sir Reginald Kenneth Dwight”

  1. Capitão Conhaque Says:

    Adoro o Elton John, amo o Quase Famosos.
    Tiny Dancer na cena do ônibus é foda demais, mas não podemos esquecer da cena do Willian com a Penny, ao som de Mona Lisas and Mad Hatters – outro musicão de Sir Reginald Kenneth Dwight, e uma das minhas preferidas.

    😀

  2. Blog perfeito Natacha! parabéns, quero ver esse site sempre assim! Criativo e interessante!
    Abracos

  3. Porra, que massa! Conhecimento, informação, cultura… tudo de boa qualidade. Pô, bacana mesmo. E texto bem escrito, também. Tá, a cena do ônibus humilha, mesmo! No show, quando ele começou a tocar Tiny Dancer, os pêlos do meu braço direito ficaram eriçadíssimos. Mas, o Capitão Conhaque tem total razão quanto a Mona Lisas… é quando ele sai desembestado atrás da Penny. Lindo de duê.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: